Majestade Propaganda

Como impulsionar publicações no LinkedIn
8 dezembro 2016

Como impulsionar publicações no LinkedIn

Sem sombra de dúvidas, quando falamos em uma rede social voltada para profissionais de diversas áreas, estamos falando de LinkedIn. Hoje, o LinkedIn é a maior rede social deste segmento, com 433 milhões de usuários pelo mundo. Para você ter uma ideia desta grandiosidade, no Brasil se inscrevem mais de 100 mil profissionais por semana. Ao todo são mais de 25 milhões de usuários só em terras tupiniquins, segundo o próprio LinkedIn. Se você pensa que o acesso a esta rede acontece primordialmente através de computadores e notebook, está redondamente enganado. A grande maioria visualiza o LinkedIn por meio de celulares ou dispositivos móveis.

Para administrar a página de sua empresa no LinkedIn você precisa saber que os usuários buscam algo mais do que interação. Eles querem saber as últimas notícias do setor, conhecer os que os especialistas da área estão falando, obter treinamento para aprimorar suas habilidades, além de insights e recomendações de colegas.

Quando pensamos em links patrocinados, existem três opções para se fazer isso no LinkedIn: a primeira é voltada para empresas que desejam recrutar novos profissionais; a segunda é para vendedores; e a terceira é para o marketing. Agora conheça os 4 pontos que você precisa saber antes de começar a impulsionar uma página de empresa no LinkedIn: defina o seu objetivo; segmente o público certo; envolva com conteúdo e; otimize o seu impacto.

Qual formato de anúncio utilizar?

Existem duas áreas de atendimento no LinkedIn. Na primeira, chamada de Field, as empresas podem investir mais de R$ 15 mil mensais. Já na segunda, chamada de Self-Service, é voltada para empresas que irão gastar menos de R$ 15 mil mensais. Neste último caso, o pagamento do impulsionamento é feito através do cartão de crédito e o cliente é o responsável pelo gerenciamento da campanha.

Na classe Field há três opções de publicações impulsionadas: a Display Ads, o Sponsored InMail e o Dynamic Ads. Já dentro do Serf-Service você tem duas opções de publicações: a Text Ads e a Direct Sponsored Content. O LinkedIn oferece diversas formas de segmentação para que seus resultados de impulsionamento sejam os melhores.

Fique por dentro dos formatos

O LinkedIn também disponibilizou um breve resumo sobre cada função de impulsionamento. Com o Sponsored Content você espalha a mensagem da sua marca em todos os dispositivos e usa as opções de segmentação abrangentes para atingir exatamente o público que você precisa, construindo relacionamento através da geração de leads. Já com o Direct Sponsored Content sua atualização patrocinada não será exibida na página da empresa, permitindo personalizar, testar e melhorar as mensagens para um melhor desempenho do seu conteúdo para um público-alvo.

No Sponsored InMail você tem uma forma direta de engajar potenciais clientes no LinkedIn, tanto pelo computador quanto em dispositivos móveis, pois as mensagens são enviadas apenas quando destinatários estiverem navegando no LinkedIn. Já o Dynamic Ads permite a segmentação precisa de decisores e influenciadores com conteúdo relevante e personalizado.

O Display Ads e o Text Ads são os que mais se aproximam das opções de anúncios no Facebook. O Display Ads ajuda você a alcançar e interagir com os compradores certos e estabelecer sua marca no contexto profissional do LinkedIn. Já com o Text Ads você tem anúncios intuitivos que permitem criar, gerenciar e otimizar campanhas personalizadas, podendo segmentar um público profissional e gerar leads de alta qualidade para sua empresa com orçamento acessível.

E aí, sua empresa quer saber mais sobre como impulsionar no LinkedIn? Fique atento aqui ou em nossa página do Linkedin para conferir mais dicas e ter sucesso na rede social mais importante para os profissionais de todas as áreas. Também conheça outros benefícios que uma boa divulgação pode oferecer para o seu negócio.

Botão-Raio-X



Pedro Marcolino

Por

Pedro Marcolino

Comente

Voltar para o topo